26 de out de 2011

Confraria das Três Águas apresenta A CURANDEIRA dia 05


Dia 05 de novembro, sábado, a montagem teatral A Curandeira será encenada no Teatro Municipal a partir das 20h30. Criada pela Confraria das Três Águas, a peça fala sobre uma curandeira que oferece poções para o corpo e sabedorias para a alma, com ajuda de histórias e poemas capaz de envolver o público. A Curandeira tem dramaturgia de Reinaldo Maia, direção de Melani Halpern e atuação de Adriana Fortes. A entrada é gratuita.

A atriz percorre um caminho de recordações, compartilhado com o público, num jogo de vivências e sua relação com o mundo. A narrativa inclui duas histórias tradicionais e faz breve citação do texto dos Upanishades e do Mahabarata, um dos maiores clássicos épicos da Índia. Na pesquisa feita, o grupo baseou-se nos estudos simbólicos da sabedoria sufi, cabala, hinduísmo e candomblé para refletir sobre como poderia o ser humano se religar à natureza.

Composta por Adriana Fortes e Melani Halpern, a Confraria das Três Águas possui uma poética calcada na valorização do ator em cena e desenvolve uma linguagem teatral que surge do encontro do popular com o erudito; do sagrado com o profano; de fontes da tradição oral e da literatura; do ator e do contador de histórias; da utilização do gestual livre, espontâneo com o gesto lapidado coreograficamente. Apoio cultural programa VivOurinhos – Secretaria Municipal de Cultura. Mais informações pelo telefone 14 3302 3344.


Serviço:
Teatro
A Curandeira
Confraria das Três Águas
20h30 – entrada gratuita.
Teatro Municipal Miguel Cury, rua 09 de Julho, 496, Centro.
14 3302 1400.

Nenhum comentário: