11 de jul de 2012

DOCUMENTÁRIO EL SISTEMA MOSTRA EXPERIÊNCIA VENEZUELANA DE EDUCAÇÃO MUSICAL

Além das atrações musicais propriamente ditas, o Festival de Música de Ourinhos também procura integrar à sua programação filmes que estejam relacionados à música. Neste ano, o filme selecionado foi El Sistema, documentário de Paul Smaczny e Maria Stodmeier sobre a homônima rede venezuelana de educação musical para jovens carentes.
El Sistema, fundado nos anos 70 por José Antonio Abreu, é um projeto que se dedica a ensinar música, gratuitamente, para cerca de 350 mil crianças pobres em toda a Venezuela, incluindo na capital, Caracas. A exemplo do que acontece no Brasil, El Sistema não encontra facilidades: é um projeto que sobrevive graças ao trabalho duro e apaixonado de seus idealizadores e colaboradores. O Sistema sobrevive quase que exclusivamente de financiamento estatal, com um orçamento é sempre apertado. Mas, com uma boa dose da criatividade latina, que nós, brasileiros, também conhecemos bem, e muito trabalho, o projeto se mantém firme e forte. Para contornar a falta de instrumentos, por exemplo, criou-se a Orquestra de Papel, onde as crianças menores são introduzidas à noções elementares de música, manuseando réplicas de papelão de instrumentos musicais.
O documentário tem forte ênfase no poder de inclusão promovido pela música. Crianças que, em outras circunstâncias, acabariam vítimas do crime, das drogas, da violência urbana, da falta de perspectivas; encontram na música a perspectiva de um caminho diferente. O filme traz depoimentos fortes, como a da menina que perdeu uma audição por ter sido atingida, dias antes, na perna por uma bala perdida. Segundo ela, o que mais doeu não foi a ferida, e sim não poder comparecer à audição. A violência é quase banal na vida desses jovens, mas, graças à educação musical, eles descobrem uma rota de fuga.
El Sistema não é, apenas, um filme sobre música, embora tenha belos momentos musicais, protagonizados pelos alunos do projeto. É um filme sobre o poder transformador da música na vida das pessoas. É um filme sobre o triunfo da boa vontade, que mostra que homens como Jose Antonio Abreu e sua equipe, lutando contra todas as adversidades, e acreditando num ideal, mesmo quando ele parece quixotesco, podem fazer a diferença no mundo.
El Sistema será exibido de segunda à sexta, durante o XII Festival de Música de Ourinhos, sempre às 13h no Centro Cultural Tom Jobim, em sessões gratuitas.

Nenhum comentário: