18 de ago de 2010

A(o)Gosto das Letras começa domingo com AGRESTE

A peça tem direção de Márcio Aurélio e recebeu os prêmios SHELL e APCA de teatro.
Escrita por Newton Moreno, a premiada montagem teatral Agreste será encenada em Ourinhos neste domingo (22), noite de abertura do evento literário A(o)Gosto das Letras. O espetáculo da Companhia Razões Inversas tem início às 20h no Teatro Municipal Miguel Cury. A entrada é franca.

A peça conta a história de um casal de lavradores que descobre o amor no meio de um período de seca. Porém, após pressentirem que algo perigoso se aproxima, o casal decide fugir e, anos depois, é acometido pela morte do marido. Em cena, dois atores narram e representam as personagens de sua história. Esses atores montam e desmontam a cena, com o mesmo domínio que assumem a passagem narrador-personagem para personagem-narrador.

O espetáculo discute a ignorância, o preconceito e o amor incondicional na fábula dirigida por Márcio Aurélio. Agreste venceu o prêmio SHELL de melhor texto em 2004, além do prêmio APCA (Associação Paulista dos Críticos de Arte) de melhor espetáculo e autor. Participou também como espetáculo convidado do Festival de Teatro a Mil, em Santiago do Chile, e do Brasil em Cena, em Berlim, Alemanha.

Criada em 1990 pelo diretor Márcio Aurélio, a Companhia Razões Inversas obteve o reconhecimento da qualidade de seu trabalho pela crítica, recebendo prêmios importantes do teatro nacional. Dentre as mais de 70 montagens do diretor, destaque para Senhorita Else, A Bilha Quebrada e A Arte da Comédia.

Segundo a diretora de produção do espetáculo, Renata Araújo, a principal característica do grupo é a metodologia de trabalho voltada para o constante processo de formação técnica e intelectual dos intérpretes e demais artistas. “O trabalho busca criar um ambiente de pesquisa e posicionamento ativo do ator, que deve ser um investigador das possibilidades de eficiência e qualidade da expressão cênica”, comenta a produtora.

A apresentação de Agreste faz parte da programação do Circuito Cultural Paulista. Este programa é uma realização da Secretaria de Estado da Cultura em parceria com a Prefeitura de Ourinhos e coprodução da Associação Paulista de Amigos da Arte. A classificação indicativa desta apresentação é 16 anos. Mais informações pelo telefone 14 3302 3344.

Serviço
Teatro – AGRESTE.
Realização: Companhia Razões Inversas.
Faixa etária: adulto.
Classificação: 16 anos.
Duração: 60 minutos.

Nenhum comentário: