22 de jul de 2010

Palavra (En)cantada discute a relação entre música e poesia no Brasil

Palavra (En)cantada, documentário que será exibido no Centro Cultural “Tom Jobim” nesta quinta e sexta-feira (22 e 23 de julho), mostra a relação entre poesia e música brasileira. Dirigido por Helena Solberg, o filme ganhou o prêmio de “Melhor Direção de longa metragem” no Festival de Cinema do Rio de Janeiro em 2008.  O músico e pesquisador José Miguel Wisnik, considerado um inspirador do documentário pela diretora, justifica que, pelo fato do Brasil não possuir uma cultura “letrada”, a música popular brasileira desempenha um papel muito importante por manter viva a literatura com a qual ela dialoga. Segundo ele, “compensamos uma cultura mais baseada na oralidade diretamente para os meios audiovisuais do rádio e televisão, e de forma muito mais tímida para a palavra escrita, deficiência que a música consegue suprir servindo de veículo para a literatura”.
O filme traz depoimentos de diversos artistas brasileiros, que contam sobre o trabalho de criação e suas inspirações literárias: Adriana Calcanhoto, Antonio Cícero, Arnaldo Antunes, BNegão, Black alien, Chico Buarque, Ferréz, Jorge Mautner, José Celso Martinez Correa, José Miguel Wisnik, Lenine, Lirinha, Luiz Tatit, Maria Bethânia (foto), Martinho da Vila, Paulo César Pinheiro, Tom Zé e Zélia Duncan.  Segundo a diretora Helena Solberg, “O filme, mais do que sobre a música e a literatura, é um olhar abrangente sobre nossa cultura”.
A exibição do documentário “Palavra (En)cantada” durante o X Festival de Música de Ourinhos é mais uma das iniciativas da Secretaria Municipal de Cultura em marcar 2010 como o “Ano da Leitura em Ourinhos”.
Serviço – Exibição do documentário “Palavra (En)cantada” – Dias 22 e 23, 13h no Centro Cultural “Tom Jobim”.

Nenhum comentário: