25 de mar de 2010

Hoje tem Teatro - “Só os Doentes do Coração Deveriam Ser Atores”

Nesta quinta (25), às 20h, o ator Antonio Petrin apresenta no Teatro Municipal Miguel Cury a peça ‘Só os doentes do coração deveriam ser atores’, montagem inspirada em um depoimento do livro “Além das Ilhas Flutuantes”, do italiano Eugênio Barba, um dos principais diretores europeus.
Com texto e direção de Eduardo Figueiredo, a trama retrata o dilema de Jacek, um ator polonês de 60 anos que, às vésperas de reestrear Ricardo III, de Shakespeare, sofre do coração e é proibido pelos médicos de continuar sua carreira. Para Jacek, parar de atuar significa sua própria morte, tamanha sua vocação artística.
Antonio Petrin, que em 2010 completa 40 anos de carreira artística, é acompanhado neste espetáculo pela pianista Elaine Giacomelli, que interpreta, ao vivo, obras de compositores consagrados nacionais e internacionais.
O ator possui uma sólida carreira artística, além de atuar em mais de 42 espetáculos teatrais, foi diretor de outras 12 montagens, além de inúmeros trabalhos em novelas, especiais para a televisão e atuação em 12 filmes nacionais. Indicado para os mais importantes prêmios como melhor ator, ganhou o APETESP (Associação dos Produtores de Espetáculos Teatrais do Estado de São Paulo) no ano de 1983 com a peça Ganhar ou Ganhar (Gim Game) e em 1991 o prêmio Manchete pela novela Pantanal.
O espetáculo é gratuito e acontece no Teatro Municipal "Miguel Cury" às 20h. Rua 9 de julho, 496 – Centro. Telefone: 14 3302 1400. A apresentação faz parte da programação do Circuito Cultural Paulista. Este programa é uma realização da Secretaria de Estado da Cultura em parceria com a Prefeitura de Ourinhos e coprodução da Associação Paulista de Amigos da Arte.

Nenhum comentário: