2 de dez de 2009

Teatro - "O Evangelho Segundo São Mateus" no CAT em Jacarezinho

A cidade de Jacarezinho (PR) recebe na próxima sexta-feira (04) o Grupo Delírio, uma das mais respeitadas e premiadas companhias de teatro do Paraná. Eles retornam à região para apresentar 'O Evangelho Segundo São Mateus'. A história acontece nos tempos atuais e nada tem de religiosa. Trata-se de uma montagem de radicalidade dramatúrgica e rompimento dos padrões cênicos, onde as técnicas teatrais de interpretação, dramaturgia ou direção, não são negadas, mas fornecem material para algo mais livre, intenso e mais reflexivo. A apresentação começa às 20h30 no CAT - Conjunto Amadores de Teatro. A entrada é gratuita.

Cinco atores que se dizem “padeiros” ocupam uma cozinha e enquanto fazem o pão, desde a preparação do fermento, o crescimento e o ato de assar, conversam sobre o “Evangelho de São Mateus”. Ao mesmo tempo, dois deles, interpretam a mãe e o filho, extraídos poeticamente do “Oitavo Poema do Guardador de Rebanhos”, de Fernando Pessoa, onde o filho conta para sua mãe que tem um amigo fugido do céu, como o Jesus de Alberto Caeiro (Fernando Pessoa) que lhe conta uma nova possibilidade para uma história tão antiga como a de Jesus Cristo. À medida que o pão vai sendo feito, a história é contada, não pela ação, mas pela palavra e pela reflexão sobre ela, desde a anunciação até a ressurreição, seguindo o formato poético e filosófico de São Mateus. Conexões com outras leituras da mesma história são feitas como as do filme de Pasolini, a filosofia de Friedrich Nietzsche e a visão humanista de Clarice Lispector.

O diretor Edson Bueno conta que encarou o Evangelho Segundo São Mateus para falar, não de Jesus, religião ou evangelização, mas para refletir com a platéia sobre a palavra. Aquela que tem o poder de transformar. "Machado de Assis disse que muitas vezes uma hora de vida, representa uma vida inteira. E eu tenho a sensação de que o tempo em que escrevi e dirigi esta peça significou o sentimento que eu tenho pela vida e pela arte. É um sentimento utópico, difícil de experimentar na crueza do dia a dia, mas válido como sensação e espírito. Tento, sinceramente, ser leve diante do cinismo, da competição e da violência das relações sociais e acho que devo, muito, à experiência de montar esse espetáculo, a suavidade que em grande parte do dia, experimento. Não fiquei apenas com São Mateus, mas busquei na poesia de Fernando Pessoa e seu 8º. Poema do Guardador de Rebanhos, o apoio poético para dar mais humanidade, simplicidade e beleza à peça e ainda mais, na relação que os atores vivem com a plateia, que é uma relação de intimidade e (quase) inocência. Ali depositamos, eu e eles, muito do sentido de se fazer teatro", declara o diretor.

Serviço
Espetáculo: O Evangelho Segundo São Mateus
Grupo: Delírio
Cidade: Curitiba (PR)
Direção: Edson Bueno
Data: 04/12/09 – Sexta-feira
Horário: 20h30
Local: CAT
Entrada franca
Realização: Prefeitura de Jacarezinho

Nenhum comentário: