11 de mai de 2011

3ª Mostra Sérgio Nunes de Artes Cênicas começa dia 21

Rosa de Cabriúna’, escrita pelo dramaturgo Luis Alberto de Abreu, remete diretamente ao universo popular.
 O público já pode se programar para acompanhar a 3ª Mostra Sérgio Nunes de Artes Cênicas, que será realizada entre os dias 22 e 29 de maio. O evento é resultado de mais uma parceria entre a Prefeitura de Ourinhos, através da Secretaria Municipal de Cultura, e a Associação de Amigos da Biblioteca Pública (AABiP).

Em sua terceira edição, a Mostra Sérgio Nunes novamente privilegia a participação de grupos que se dedicam à pesquisa teatral. Com espetáculos para adultos e crianças, a programação mantém a diversidade de propostas, característica que vem orientando as ações da Secretaria Municipal de Cultura em 2011.

Algumas produções remetem diretamente ao universo popular. É o caso dos espetáculos ‘Um dia ouvi a Lua’, que faz a abertura da Mostra, e ‘Rosa de Cabriúna’, ambos escritos pelo dramaturgo Luis Alberto de Abreu. De volta a Ourinhos, a Cia. Forrobodó reafirma seu compromisso com o teatro de rua e apresenta o espetáculo ‘É poesia popular’, inspirado no cordel ‘A chega de Lampião no inferno’, de José Pacheco.

A forte geada que atingiu o Paraná em 1975, com efeitos também na região de Ourinhos, episódio conhecido como ‘Geada Negra’, serviu de inspiração para o espetáculo ‘Café quente em noite fria ou Ensaio sobre a Lenda do Ouro Verde’, montagem do Grupo Caos & Acaso, da cidade de Londrina.

‘Palhaços’ é outro destaque da programação. Um dos mais conhecidos textos do dramaturgo Timotchenko Whebi, será apresentado na versão produzida por atores que participam da prestigiada companhia Folias. Outro espetáculo, ‘O que fazer com o que Kafka fez com a agente’, baseado no conto homônimo de Jair Ferreira dos Santos, discute a capacidade de influência da literatura na vida de uma pessoa. Fechando a programação da Mostra, a Cia. Fractal apresenta ‘A Revolução dos Bichos’, adaptação para crianças do livro do escritor inglês George Orwell.
Palhaços é outro destaque da programação.
Atores e agentes culturais poderão participar também de duas oficinas de formação. Nos dias 21 e 22, acontece a ‘Capacitação em Teatro do Oprimido’, coordenada pela Fábrica do Teatro do Oprimido de Londrina, e nos dias 27 e 28 será realizado o segundo módulo da Oficina de Formação de Agentes Culturais’, com o tema Teatro-Educação. A programação completa está disponível aqui http://curtaourinhos.blogspot.com/2011/05/blog-post.html. Mais informações pelo telefone (14) 3302.3344 ou pelo e-mail culturaourinhos.imprensa@gmail.com.

Nenhum comentário: